All for Joomla All for Webmasters
Anápolis-GO
Anápolis-GO
+55 (62) 9.9613-2122 WhatsApp Seg - Qui 07:00 - 17:00 - Sex 07:00 - 16:00 Rua São Pedro, SN, Residencial Porto Seguro.
Qualidade
Comprovada.
O Melhor
na região
Número 1
Em elevadores
Orçamento

PERGUNTAS FREQUENTES

Existe alguma norma para fabricação e instalação de elevadores?

Sim. As principais normas que regem os requisitos de segurança para a fabricação e instalação de elevadores são a Norma NBR NM 267, referente aos elevadores hidráulicos de passageiros, e a Norma NBR NM 207, referente aos elevadores elétricos de passageiros. Mais recentemente foi lançada a Norma NBR 16042 a qual rege os requisitos de segurança para construção e instalação de elevadores sem casa de máquinas. Além destas normas principais, existem normas que complementam as descritas anteriormente, dentre as quais pode-se citar a Norma NBR NM 313, que rege requisitos particulares para a acessibilidade das pessoas, incluindo pessoas com deficiência, em elevadores de passageiros.

Existe alguma lei que exige a acessibilidade de todas as pessoas em ambientes públicos?

Sim. O Decreto Federal Nº 5.296/04 estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas em ambientes públicos ou coletivos

Existe alguma norma referente a acessibilidade de pessoas com deficiência em elevadores?

Sim. A Norma NBR NM 313 rege requisitos particulares para a acessibilidade das pessoas, incluindo pessoas com deficiência, em elevadores de passageiros

O que são as taxas de ART?

São taxas cobradas pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) pelas Anotações de Responsabilidade Técnica (ART`s) de um profissional por serviços como projeto, manutenção, montagem. É a garantia legal de que seu equipamento foi projetado, fabricado ou está sob assistência técnica de um profissional habilitado e qualificado, o qual responderá tecnicamente pelo serviço.

Quais são as dimensões mínimas para um elevador que atende cadeira de rodas?

Conforme Norma NBR 9050 que rege a acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos, considera-se como módulo de referência que as dimensões ocupadas por uma pessoa utilizando cadeira de rodas é de 800 mm de largura e 1200 mm de profundidade, além de determinar que o vão mínimo das portas para atendimento a pessoas que utilizam cadeira de rodas é de 800 mm. A partir disso, seria possível afirmar que um elevador que possua abertura de porta de no mínimo 800 mm, e o espaço interno da cabina seja de no mínimo 800 x 1200 mm, pode atender uma pessoa que utiliza cadeira de rodas. Entretanto, conforme Norma NBR NM 313, que rege os requisitos de acessibilidade das pessoas em elevadores, incluindo pessoas com deficiência, as dimensões internas mínimas da cabina para um elevador promover a acessibilidade de pessoas, inclusive pessoas que utilizam cadeiras de rodas, é de 1100 x 1400 mm, com uma abertura de porta mínima de 800 mm

Existe algum órgão que fiscaliza a manutenção nos elevadores?

A manutenção de elevadores de passageiros é atividade de engenharia, logo é fiscalizada pelo CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia), que através dos seus inspetores, verificam a regularidade das ART’s, relatórios de atendimento e estado de conservação dos elevadores. Em algumas cidades a Prefeitura Municipal possui um setor específico que fiscaliza, assim como o CREA, a manutenção dos elevadores.

Por que os elevadores hidráulicos são seguros?

Os elevadores hidráulicos são considerados os mais seguros entre as tipologias de elevadores existentes no mercado, principalmente pelo fato de não possuírem cabos operando sob o regime de tração. A facilidade de instalar um sistema automático de resgate de passageiros, quando falta energia no edifício, também aumenta a segurança percebida pelos usuários. O grande número de equipamentos instalados principalmente na Europa e América do Norte demonstram a maturidade e segurança desse tipo de elevador.

O elevador hidráulico utiliza óleo no seu funcionamento?

Sim. Assim como outros equipamentos, os elevadores hidráulicos utilizam óleo para seu funcionamento. Este óleo fica armazenado em um reservatório, e é bombeado para o pistão hidráulico para movimentar a cabina do elevador. O óleo passa por tubulações seladas e não há vazamento de óleo no ambiente.

Quantos andares os elevadores hidráulicos podem atender?

Tecnicamente um elevador hidráulico pode atender vários andares, a questão é que para percursos maiores que aproximadamente 15 metros (6 paradas), os elevadores hidráulicos necessitam de um pistão hidráulico com diâmetro cada vez maior para evitar que ocorra o efeito de flambagem, acarretando a necessidade de aumentar o motor e a bomba hidráulica, para que seja possível manter uma velocidade adequada de utilização do elevador, tornando o valor global do elevador inviável em alguns casos quando comparados a elevadores dotados de outro tipo de acionamento. Por este motivo os elevadores hidráulicos são comumente conhecidos como elevadores para pequenos percursos; são indicados para edifícios de até 6 paradas (aproximadamente 15 metros), devido as suas inúmeras vantagens operacionais, simplificações na preparação de obra e valores competitivos.

Como funciona o sistema de resgate dos elevadores Atalaia na falta de energia elétrica?

Os elevadores da Atalaia são equipados de fábrica com um sistema eletrônico que permite que a cabina vá para um andar específico e abra a porta mesmo sem energia elétrica. Dessa forma, quando falta energia elétrica no prédio, o quadro de comando do elevador detecta este evento e automaticamente direciona a cabina a um andar pré-determinado, abre a porta e libera os passageiros de forma rápida e segura.

Posso colocar um elevador na minha casa?

Sim, existem elevadores comumente chamados de Home Lift, que possuem características que o tornam mais adequado para instalação em residências, como tamanho reduzido, comando simplificado e motores de baixa potência. A Atalaia dispõe desse tipo de equipamento para comercialização.

A Atalaia atua em quais regiões do país?

Por questões de logística e melhor atendimento da Assistência Técnica, a Atalaia está atuando atualmente nos estados de Goiás e o Distrito Federal.

Gostaria de instalar um elevador. Quais seriam os primeiros passos?

O correto sempre é pensar no elevador na fase de projeto do edifício, pois desta forma é possível planejar o espaço e demais requisitos necessários a instalação do equipamento, como fundações, estrutura, impermeabilização do poço, entre outros. O primeiro passo do planejamento da compra de um elevador é o Cálculo de Tráfego, que determina a partir das características do edifício, qual o tamanho (capacidade) e quantidade de elevadores necessários para atender a mobilidade no prédio. A Atalaia disponibiliza a realização do Cálculo de Tráfego e fornece orientações para preparação de sua obra. No caso de prédios já construídos, a Atalaia dispõe de uma equipe de consultores, formada por técnicos e engenheiros, que realizam os estudos de viabilidade técnica para a instalação de elevadores; estes estudos são feitos a partir da análise de plantas ou através de levantamento realizado no local.

About the author

Leave a Reply